GASOLINE PROJECT - A CB 450 BRAT DE MARCUS TOMASELLI


Quando nos deparamos com algo tão impactante e chamativo, geralmente a única ação que temos é a de tentar observar os mínimos detalhes de todos os ângulos possíveis para tentar decifrar suas verdades explícitas e ocultas.

Foi mais ou menos isso que aconteceu quando encontrei o acervo de fotos da CB 450 Brat do Marcus Tomaselli.



 Cada foto que via, eu me concentrava mais a cada detalhe, cada peça perfeitamente escolhida e encaixada para gerar um conjunto balanceado e completo, porém sempre fazendo referência à simplicidade e serenidade das cafe-racer’s, então resolvi conversar com o proprietário dessa máquina e saber um pouco mais sobre ela.

Segundo Tomaselli, essa CB 450 1985 foi totalmente modificada, mantendo como itens originais apenas: motor, chassis, suspensão e as rodas. O tanque vem de uma CB 360 a fim de criar um visual “anos 70”, a caixa de ar e de bateria foram retiradas, dessa forma a moto ficou com uma aparência mais rústica e simplória, porém com visual bem old school. Foi feita então uma nova caixa abaixo do banco, no capricho,  para acomodar toda a parte elétrica e uma bateria, selada!


 Para emitir o belo ronco da CB, foi montado um escape sarachu 2x1 com parte envolta em thermotape, esse um item rústico porém com uma aparência muito chamativa, e o ronco estridente em alta rotação tem o intuito de lembrar o som das motos com 4 cilindros.





O painel da CG 1982 é simples, funcional e possui detalhes clássicos como a base cromada (perfeito!), e o farol é o original da CB porém com um suporte projetado para o estilo café racer... cada detalhe na escolha dos componentes e suas localizações na montagem fazem toda a diferença em projetos desse tipo, e posso dizer que essa moto teve uma grande sorte de ter uma atenção especial, de Marcus e seu pai, como lapidadores desse projeto totalmente Handmade.



O guidão foi escolhido de acordo com a posição de dirigir do dia a dia, então ele preferiu um modelo de riser baixo para seu próprio conforto, mas destacou que primeiramente tinha colocado um modelo mais clássico, da marca italiana de mesmo nome de sua família, "Tomaselli".
Para completar o pacote de modificações: Paralamas da Intruder, banco da “Pedrinhos Bancos” de São Paulo (com um desenho muito legal e acabamento incrível!!), manoplas biltwell natural e mini retrovisores. As próximas modificações incluem: Colocar rodas raiadas e duplo disco dianteiro com aerokip,

O Marcus já está sabendo que a Gasoline apoia e aprova todo e qualquer tipo de atitude como essa, onde é possível dedicar o tempo disponível que temos, àquilo que gostamos de fazer e viver, e assim produzir belas obras de arte para serem, primeiramente usufruídas por quem as possui, e depois por admiradores que sempre querem ver e conhecer mais histórias como essa!!!





Confira abaixo uma coletânea de fotos que, além de intrigar pelos ângulos e detalhes, nos levam a imaginar como foi cada escolha para cada item desse magnífico projeto:











Texto: Marco Orlando
Fotos: Marcus Tomaselli
Produção: Gasoline Brotherhood



Nenhum comentário:

Postar um comentário