SALÃO DUAS RODAS - LANÇAMENTOS

Em continuação ao nosso post anterior, voltamos a falar do Salão Duas rodas, mas desta vez com as novidades que foram apresentadas no evento.

A Ducati marcou presença com a sua linha Scrambler, que provou ser muito além do que imaginávamos e fez jus ao legado Italiano.



A Harley Davidson esbanjou futurismo e tecnologia disponibilizando duas do protótipo elétrico LiveWire para a galera acelerar com vontade no dinamômetro. O barulho lembra bastante os veículos de filmes futuristas.


Todos impressionaram bastante, mas na verdade a expectativa da galera estava na mais nova concorrente das Harleys no Brasil, as centenárias Indians!

A marca foi comprada pela Polaris em 2011, e anunciou sua estréia aqui no Brasil durante o evento com o forte e gritante marketing dizendo :
-"Viemos brigar frente a frente com as Harleys"...
O que?
Será que é tudo isso mesmo?

Bom, como gostamos de uma boa briga de gigantes fomos lá para o stand das Indians para tirar prova, e já na moto de entrada da marca, a Scout de 1200cc que será vendida a partir de R$49.900,00 concluímos que....

Rapaz....

Realmente...

As Harleys que se cuidem, pois a tradicional centenária "Pele Vermelha" veio com boa parte da tribo para "meter flechada" com força para cima das HD's! rsrs

A marca apresentou no salão os modelos Scout, Chief (Clássic e Vintage), Chieftain e Roadmaster, e em cada detalhes está cravado os traços da tecnologia atual na pele das clássicas tradicionais, tornando os modelos bastante robustos atraentes sem perder o ar nostálgico dos modelos antecessores.




E dentre as beldades lançadas pela Indian, estava uma lindíssima Chief 1946 com toda sua Imponência de 69 anos!


Enfim senhores...a primeira impressão foi muito boa!!!

E sinceramente esperamos que a Indian em suas futuras "tribos" distribuídas pelo Brasil tenha um bom "Pajé" para assumir os riscos e ter as soluções em mãos para representar o pós venda!

Aguardemos!








Texto: Jamil Eduardo
Fotos: Jamil Eduardo
Edição: Jamil Eduardo/Marco Orlando Leal




Nenhum comentário:

Postar um comentário